Arquitetura

A incrível casa invisível que se mistura com a paisagem

2019-12-16

author:

A incrível casa invisível que se mistura com a paisagem

Na região do Alentejo, em Portugal, está a Barragem de Alqueva – o maior reservatório artificial de água da Europa Ocidental, também chamado de Grande Lago. Foi nesta linda região que o escritório de arquitetura Aires Mateusfundado pelos irmãos Francisco e Manuel, decidiu construir a incrível casa invisível. Com telhado verde, esta moradia moderna se mistura com a paisagem e nos convida a habitar em harmonia com a natureza.

casas invisíveis 1

A casa invisível de 174 metros quadrados possui um pátio central, três quartos, além de vários pátios circulares que permitem a passagem da luz natural. Com linhas predominantemente arredondadas, o objetivo do projeto é oferecer uma casa que se misture com a paisagem natural, e que utilize o mínimo possível de energia.

casas invisíveis 2

De onde veio a inspiração para construir uma casa praticamente invisível? Segundo os irmãos: “O espaço, o vazio, é o centro da arquitectura, e o vazio é também aquilo que espera pela vida”.

casas invisíveis 3

O escritório, que possui projetos espalhados em todo país, não é apenas respeitado pela qualidade de suas construções, mas principalmente pelas propostas arquitetônicas ousadas, que desconstroem o conceito de “casa normal”. Afinal, uma casa pode ser exatamente do jeito que a gente quer.

casas invisíveis 4

Outros projetos do escritório

Com propostas inovadores que se estendem desde casas residênciais à instituições públicas, um dos projetos mais icônicos do escritório Aires Mateus é o Centro Geriátrico, em Alcácer do Sal. Construído em 2010, o prédio reinterpreta a combinação do público e privado, respondendo às necessidades de uma vida social, e ao mesmo tempo oferecendo isolamento aos seus moradores. O estilo minimalista incomum em hospitais, nos convida a repensar como a arquitetura pode influenciar o estado de espírito das pessoas.

casas invisíveis 10

 

Fotos: João Guimarães

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube.

Comentários do Facebook