Animais

Brasil inaugura viaduto verde para travessia do mico-leão-dourado

2020-08-06

author:

Brasil inaugura viaduto verde para travessia do mico-leão-dourado

O mico-leão-dourado é uma espécie brasileira encontrada sobretudo na região da Mata Atlântica, no estado do Rio de Janeiro. Em risco de extinção, o Brasil acaba de inaugurar um viaduto verde feito para conectar a Reserva Biológica de Poço das Antas com a faixa de Mata Atlântica do outro lado da rodovia BR-101, para que estes simpáticos primatas de pêlo dourado possam fazer a travessia em segurança.

mico leao dourado 3

Recentemente duplicada, uma das obrigações para a concessão de licença da obra era implementar paisagens de fauna para que a espécie endêmica não perca ainda mais seu habitat. Além da segurança, o viaduto é uma estratégia para que o mico-leão-dourado possa se reproduzir em outras regiões da Mata Atlântica: “É muito importante que a população de micos da reserva possa atravessar para evitar isolamento genético”, explicou Luis Paulo Ferraz, diretor da Associação, em defesa dos animais e um dos responsáveis pelo projeto.

viaduto mico leao dourado 1

Chamadas de “pontes vivas”, estas passagens verdes permitem que os animais circulem com segurança em seus habitats, uma vez que o número de animais silvestres que morrem por atropelamento é enorme. Segundo estatísticas, ocorre em média um óbito a quase 15 segundos.

viaduto mico leao dourado 2

Isto sem contar que os viadutos verdes ainda contribuem para reduzir as emissões de carbono dos automóveis e tornar a paisagem mais agradável. Também foram construídas passagens subterrâneas para a fauna terrestre.

mico leao dourado 2

Vale lembrar que este não é o primeiro viaduto construído para a travessia de animais. Em 2017, o estado do Pará inaugurou o Ramal Ferroviário Sudeste do Pará, que corta a Floresta Nacional de Carajás em dois pontos, para evitar a morte de cerca de 450 milhões de animais selvagens que morrem atropelados nas estradas e ferrovias brasileiras.

Mico-leão-dourado em risco de extinção

Espécie símbolo na luta pela conservação da Mata Atlântica, hoje existem cerca de 3 200 mico-leões-dourados em liberdade, graças a inúmeros esforços na conservação e reprodução da espécie. Foi entre 1965 e 1970, que foi registrado o maior declínio nas populações do mico-leão-dourado, mas graças ao trabalho de Adelmar Coimbra-Filho, a comunidade científica passou a se interessar pela conservação dessa espécie, o que resultou na criação da Reserva Biológica Poço das Antas e em um programa bem sucedido de reprodução em cativeiro. Atualmente, a população em cativeiro é substancialmente mais numerosa do que os animais que vivem em liberdade.

 

 
Foto 1: WWF-Brasil / Marcela Beltrão
Fotos 2 e 3: divulgação
Foto 4: Green Savers

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube

Comentários do Facebook