Animais

O emocionante reencontro entre a família de elefantes que passou 12 anos separada

2020-09-02

author:

O emocionante reencontro entre a família de elefantes que passou 12 anos separada

O elefante é um dos animais mais complexos e inteligentes do reino animal, tanto do ponto de vista emocional como social. Extremamente sociáveis, eles costumam viver em famílias e criam verdadeiros laços difíceis de se desfazer. No entanto, infelizmente alguns são separados de suas famílias, como aconteceu com Pori, uma elefanta de 39 anos que morava no Zoológico de Berlim e passou 12 anos separada de sua filha e netas. A boa notícia é que elas puderam se reencontrar e este momento emocionante é a prova de como estes animais são realmente especiais.

reencontro familia de elefantes 1

O reencontro aconteceu porque Pori foi transferida para o zoológico de Bergzoo, localizado em Bergzoo, também na Alemanha. Graças à mudança, ela pôde finalmente matar a saudade de sua filha Tana, de 19 anos e conhecer suas netas – Temaki e Elani, que têm 4 e 1 ano respectivamente.

reencontro familia de elefantes 2

Sabendo da importância que teria este momento para a família, os funcionários do zoológico decidiram imortalizar o momento e gravaram um vídeo, que mostra um lindo momento de afeto em que os elefantes acariciavam suas trombas. Conhecidos pela memória, o reencontro mostrou que mais de uma década de ausência não fez a família esquecer de seus entes queridos.

reencontro familia de elefantes 3

A reunião de família faz parte de um programa que envolve a recriação gradual dos rebanhos separados em cativeiro. Isto significa, que, em breve, Pori vai se instalar no mesmo espaço que Tana, Temaki e Elani. Na natureza, os machos tendem a deixar seu rebanho para encontrar uma fêmea e se juntar a outro rebanho, enquanto as fêmeas permanecem no mesmo rebanho por toda a vida.

 

Apesar de lindo, este momento abre espaço para a reflexão: até quando o ser humano vai continuar usando os elefantes, transformando-os em meio de transporte, atração e, pior, matando-os para vender a presa? Felizmente, em reunião recente realizada em Genebra, diversos países aprovaram uma proposta que diz que os elefantes africanos estão proibidos de serem vendidos a zoológicos e só podem ser exportados para a África ou se um país puder comprovar que irá comprá-lo para fins de conservação. Respeito é o que eles merecem!

 

Fotos: zoológico de Bergzoo

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube

Comentários do Facebook