Design

Escultura viva se transforma de acordo com as estações do ano

2020-06-18

author:

Escultura viva se transforma de acordo com as estações do ano

Jardins mágicos, como aqueles que vemos em contos de fada, são realidade e estão presentes em inúmeros lugares no interior da Inglaterra. Em Cornwall, sudoeste do país repleto de lendas do Rei Arthur, fica o misterioso Lost Gardens of Heligan – o maior projeto de restauração de jardins da Europa, que abriga milhares de espécies de plantas e uma incrível escultura viva que se transforma conforme as estações do ano.

escultura-viva-jardim-europa-1

A Mud Maid foi criada por dois artistas locais – os irmãos Pete e Sue Hill, em 1997 e se tornou rapidamente a atração mais procurada do parque. Não é difícil compreender o porquê. Viva e perfeitamente agregada à paisagem, suas “roupas” e “cabelos” mudam de acordo com as estações do ano, à medida que a grama, a hera e o musgo crescem e depois murcham. Vibrante na primavera e no verão; no outono ela ganha cores diferentes, enquanto no inverno é “invadida” pela neve.

escultura-viva-jardim-europa-2

Construída de maneira curiosa, a face da escultura é feita de uma mistura de lama, cimento e areia e foi revestida de iogurte para fazer o musgo crescer. Os Jardins Perdidos de Heligan foram estabelecidos por uma família tradicional no século 18 e são um dos mais famosos jardins botânicos britânicos. Antes da Primeira Guerra Mundial, mais de 22 jardineiros trabalhavam diariamente para manter a propriedade.

escultura-viva-jardim-europa-3

Hoje atração visitada por milhares de turistas todos os anos, o parque não é apenas um santuário de espécies, como abriga esculturas e obras de arte que fazem dele um dos lugares mais especiais que você conhecerá na vida.

 

Fotos: Pete e Sue Hill

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube

Comentários do Facebook