Tecnologia

Músico João Carlos Martins volta a tocar piano graças à luva biônica

21/01/2020

author:

Músico João Carlos Martins volta a tocar piano graças à luva biônica

Reconhecido mundialmente, o músico brasileiro João Carlos Martins é tido como um dos maiores pianistas do mundo, especialmente pela excelência de suas gravações de Bach. No entanto, depois de uma carreira brilhante e de tocar com as maiores orquestras do mundo, um assalto na cidade de Sófia – Bulgária, mudou o rumo de sua vida. Depois de ser golpeado na cabeça com uma barra de ferro, ele ficou com uma sequela neurológica, que lhe tirou os movimentos da mão direita. De lá para cá, já foram mais de 24 cirurgias e ele precisou aprender a tocar apenas com a mão esquerda. Em 2001, porém, ele também perdeu o movimento do membro esquerdo, devido à uma doença conhecida como contratura de Dupuytren. Hoje, quase 2 décadas depois, graças à tecnologia, ele poderá voltar a tocar piano graças à luva biônica.

joão carlos martins 1

Feitas pelo designer industrial Ubiratã Bizarro Costa, as luvas funcionam como molas, presas a uma placa de fibra de carbono cobertas com neoprene. Se antes, por causa da doença suas mãos ficavam sempre fechadas, com a luva biônica ele está voltando a se acostumar a ter os dedos na posição normal. “As luvas vão amoldar as mãos ao cérebro com o tempo. Em breve, vou tocar de novo o concerto de Bach em ré menor”, completa sem esconder a felicidade. Hoje ele não esconde a emoção ao poder tocar novamete com a mão direita, 21 anos após ao acidente.

joão carlos martins 2

Ubiratã é especializado em peças automotivas, mas nos últimos anos passou a se dedicar a fazer protótipos para pessoas com deficiência. Ao conhecer a história do maestro João Carlos Martins na televisão, ele não teve dúvidas: iria devolver o movimento de sua mão direita.

joão carlos martins 3

A grande estreia das luvas acontece no aniversário da cidade de São Paulo – no dia 25 de janeiro, quando este mestre dos pianos se apresenta em 3 concertos. De manhã, no Theatro Municipal, às 14h, na Avenida Paulista e para fechar o dia especial com chave de ouro – às 16h junto à Orquestra Sinfônica Municipal da cidade.

joão carlos martins 5
O músico ao lado de Ubiratã Bizarro Costa – o designer responsável pelas luvas.

 

Para o pianista, que achou que nunca mais voltaria a se apresentar, este é o recomeço de sua vida. Segundo ele: “O impossível só existe no dicionário dos tolos”.

 

Fotos: divulgação

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube.

Comentários do Facebook