Sustentabilidade

São Paulo transforma vagas de estacionamento em microambientes de polinização

2020-09-02

author:

São Paulo transforma vagas de estacionamento em microambientes de polinização

Com o objetivo de criar uma cidade mais agradável para as pessoas e desestimular o uso do automóvel, a Subprefeitura da Sé, no centro da cidade de São Paulo, está transformando vagas de estacionamento em microambientes de polinização. Estes espaços, além de criar mais permeabilidade em relação às enchentes, também são áreas de lazer e ajudam a desenhar uma cidade mais agradável e verde.

vagas verdes são paulo 1

Idealizado pelo subprefeito da Sé, Roberto Arantes, o arquiteto paisagista, André Graziano e o biólogo, Rodrigo Silva, o que antes eram espaços cinzas e sem vida, foram transformados em jardins, bancos, mesas e um ambiente amigável para os insetos polinizadores. Tudo isto em plena Barra Funda, uma das regiões mais movimentadas de São Paulo.

vagas verdes são paulo 5

Entre as espécies plantadas nos jardins estão dracena-vermelha, eritrina, dracena marginata, rabo-de-galo, grama-amendoim, bromélia, alfazema, manjericão e agapantos. Como André Graziano explica, estes ambientes possuem inúmeras funções: “Os microambientes diferenciados cumprem funções culturais, ecossistêmicas, paisagísticas, lúdicas e até esportivas. São exemplos de sustentabilidade ao alcance da população”, explica.

vagas verdes sao paulo 3

Já não é de hoje que as metrópoles estão criando projetos que ressignificam totalmente os espaços urbanos. Mais do que centro empresarial, as cidades precisam abraçar as pessoas e oferecer ambientes mais gentis, como explicou o subprefeito Roberto Arantes: “Os ambientes que estamos criando não somente atendem estruturas de apoio à mobilidade, mas também se pretende que os atuais bolsões de estacionamento venham a ser complementados com espaços delimitados, gerando oferta de usos urbanos para seus usuários e ampliando o grau de gentileza municipal”.

vagas verdes sao paulo 4

Como era de se esperar, o projeto foi tão bem recebido por moradores da região, que será ampliado para os demais distritos de São Paulo administrados pela subprefeitura: Bela Vista, Bom Retiro, Cambuci, Consolação, Liberdade, República e Sé. Entre outras metas, o Programa Gentileza Urbana da Subprefeitura Sé procura criar pequenos espaços nas ruas e avenidas do Centro para ampliar as possibilidades de estar, lazer, permeabilidade e biodiversidade. Integram o programa os projetos já entregues à população: bosques de conservação urbana, jardins de chuva, biovaleta, escadaria verde, calçada com poços de infiltração e vagas verdes.

 

Fotos: divulgação

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube

Comentários do Facebook